Dog lovers Kite Pessoas & Cultura Santa Lucia Surfe

Curtindo Santa Lucia:
“Respect, man”

Escrito por Renato Matiolli

Depois de alguns dias fazendo manutenção no Ipanema, foi hora de aproveitar St. Lucia. Tivemos a companhia de uns hóspedes muito legais, visitamos lugares maravilhosos, fizemos novas amizades, surfamos, velejamos de kite, e até o Papai Noel deu uma passadinha no nosso barco na hora de partir.

Depois que conseguimos terminar todo o trabalho, foi hora de receber nossos hóspedes com o Ipanema tinindo. Dois deles são hospedes que já estiveram com a gente antes. Primeiro chegou a Katarina, nossa amiga Croata que esteve com a gente antes durante a Adriatic Lagoon Regatta em Maio. Dessa vez ela trouxe uma amiga Australiana, a super fofa da Jessica. Elas estavam trabalhando juntas num mega yacht em Antigua e decidirão tirar uns dias de férias para velejar com a gente no Ipanema. O Feijão estava todo serelepe, acho que se apaixonou pelas duas… talvez seja porque elas davam Banana Colada para ele escondidas quando não estávamos prestando atenção.

P1200850_Fotor  P1200673_Fotor

12656518_10153879501209004_318037090_o

Nesse mesmo dia chegou o Duda, que também já tinha velejado com a gente antes, na Sardenha e Menorca em Agosto do ano passado. Dessa vez ele não veio sozinho para segurar vela, ele trouxe a namorada Raquel, linda, gente boa e muito divertida. Esses dois são o maior astral, curtem a vida de barco pra caramba, nos ajudam bastante com as tarefas diárias e estão sempre saindo para explorar cada canto onde ancoramos nas pranchas de SUP, e passam horas na água fazendo snorkeling.

P1200765_Fotor  P1200932_Fotor

Santa Lucia é uma ilha vulcânica relativamente nova, com uma paisagem montanhosa. Quando os ventos alísios sopram do Leste e encontram com esses paredões rochosos eles formam muita chuva e com isso a ilha toda tem uma grande densidade de floresta tropical. Essa mistura de um verde exuberante com as aguas azuis cristalinas, fazem senários dignos de cartões postais.

P1200717_Fotor  P1200711_Fotor 2

P1200763_Fotor  P1200720_Fotor

Os lugares que mais gostamos foram o lado norte da Rodney Bay, que conta com um Parque Nacional, Piton Point e Marigot Bay, que até agora é nossa baía favorita no Caribe. Marigot Bay é um lugar super charmoso, uma baía bem tranquila cercada de coqueiros e mangueiras, que é minha árvore predileta, e repleta de restaurantes e barzinhos bem legais, com um visual lindo.

Screen Shot 2016-01-25 at 7_Fotor

P1200704_Fotor  P1200690_Fotor

P1200697_Fotor

P1200612_FotorEnquanto estávamos lá em St. Lucia eu percebi que preciso cortar o cabelo urgentemente, não só o oficial da imigração não acreditava que era eu na foto do meu passaporte, como virei para raio de traficante. Na primeira noite que saímos para a gloriosa festa do Peixe Frito, não conseguia dar dois passos sem ouvir um “Ganja, man?”. A maioria das pessoas nessa ilha são bem simpáticas, como o vendedor de frutas que vinha ao nosso barco todas as manhãs ou o nosso novo amigo Murphy (“Respect, Man”). Entretanto em alguns lugares era um saco, tinha sempre alguém tentando te vender drogas, ou nos perturbando para pegar uma boia para amarrar o barco, bem ao estilo flanelinha guardador de carro. Por exemplo, quando chegamos em Pitons Point, teve dois caras num barquinho nos seguindo por uns 45min, ficamos bem irritados e desconfortáveis com a situação, pareciam os piratas do filme Capitão Phillips.

P1200905_FotorBom, mas falando de coisas boas, não posso deixar de mencionar o quanto a Sarah está se saindo bem como nossa Chef de cozinha. Toda semana ela tenta uma receita nova e todas acabam saindo fantásticas. O especial dessa semana foi um Rotolo, uma prato com massa e recheio vegetariano que ela pegou do livro do Jamie Oliver, uma delícia.

St. Lucia também foi demais para esportes, consegui surfar no Pigeon’s Point, uma esquerda que quebra ao norte do Parque Nacional de Rodney Bay, uma onda boa mas não sensacional, vale mais pelo visual e pela emoção de surfar sozinho do que pela onda em si. Por outro lado, o que nos surpreendeu foi o kite em Cas en Bas, Plantation Beach. Esse lugar tem uma combinação top de água flat e ondas no outside, perfeito para todos os níveis de velejadores.

P1200857_Fotor  P1200795_Fotor

P1200829_Fotor  P1200841_Fotor

P1200893_Fotor

E em quanto todo mundo velejava de kite, assim que a Sarah saiu da água ela achou o Farofa, que quase virou o irmão mais novo do Feijão, mas ai ela achou que ele era muito bebê ainda para ser tirado da mãe.

E por falar em kite, quando estávamos saindo da Marina de Rodney Bay, aconteceu uma coisa incrível… Quando chegamos na marina no dia anterior, vimos que o barco Zenith estava parado perto do nosso, eu não perdi tempo e fui logo tentar puxar papo com o capitão para contar o quanto eu admiro o projeto deles. Mas eles estavam super ocupados organizando o barco então acabei não me esticando muito. Para quem não conhece, o Zenith é o melhor barco para quem quer programar uma viagem séria para fazer kite, ele é todo preparado para o esporte e o capitão conhece os melhores points pelo Caribe. Confere lá no: www.zenithoceanvoyages.net. Bom, e quando íamos zarpando, o capitão apareceu e perguntou: “Vocês estão velejando pelo mundo? Querem fazer kite?”. Acho que dá para imaginar a minha cara quando eu respondi “Putz, com certeza! É o sonho”. Ele pediu para esperarmos um segundo, correu pro barco dele e voltou com um kite e barra irado de presente. Ele disse que tinha dado uma olhada no nosso site e adorado. Não é simplesmente incrível?! Puta sorte! Quando queremos comprar algumas coisas para nós é complicado, na maioria das vezes estamos em lugares remotos, comprar um kite então, quase impossível. Foi como ter uma visitinha do papai noel fora de época. A única coisa que ele disse enquanto não parávamos de agradecer foi… “Spread the Love Man”. Que cara incrível. Espero que um dia a gente possa ser assim e retribuir.

P1200895_Fotor

Bom, infelizmente novamente é o momento de dizer adeus. Dessa vez para para a incrível ilha de Santa Lucia!

P1200933_Fotor

Sobre o autor

Renato Matiolli

Deixe um comentário