Dog lovers Dominica Pessoas & Cultura Vida a bordo

Dominica: Achamos a
Floresta Amazônica do Caribe

Escrito por Renato Matiolli

Nossos dias em Dominica foram poucos mas maravilhosos, os locais são super simpáticos e o visual de tirar o fôlego. Parece que você está no meio da floresta amazônica só que em pleno Caribe. Infelizmente esse foi outro lugar que acabamos ficando pouco tempo e tivemos pena de ter sido tão breve.

Screen Shot 2016-02-02 at 8_Fotor

No chegada velejamos por toda a costa oeste e ancoramos na baía de Portsmouth, no canto noroeste do país.

IMG_0104_Fotor

P1210066_Fotor  P1210095_Fotor

P1210086_Fotor

P1210093_Fotor

Nossa recepção não poderia ter sido melhor. Um cara super sorridente chamado Ken veio bater papo e nos dar as boas vindas. Ele é um dos guias locais do P.A.Y.S – Associação de Serviços para Yachts de Portsmouth (Portsmouth Association of Yacht Services). Eles fazem o mesmo trabalho que os caras malas em Pitons, lá em Santa Lucia, mas com simpatia, educação e sem te deixar desconfortável. Bem melhor!!

Assim que estávamos bem ancorados fomos direto para o Felix Art Bar na praia em frente para usar a internet e tomar o melhor Rum Punch de Dominica. Ficamos lá bebendo e nos atualizando com o mundo até que o bar e todos os restaurantes em volta fecharam. Foi ai que percebemos que estávamos famintos e não tinha nada para comer. O Felix, dono do bar, percebeu nosso vacilo e não demorou para vir nos oferecer um pouco do churrasco de peixe voador que ele estava preparando para ele mesmo e uma amiga, simplesmente delicioso. Esse é o tipo de gente que você encontra aqui em Dominica. A astral não poderia ser melhor.

P1210106_Fotor

No dia seguinte pedimos para nosso amigo e guia Ken, nos levar para fazer o passeio do Indian River. A paisagem é espetacular, o rio é cercado por uma floresta densa e parece que você está no meio da mata atlântica, mas sem as piranhas e os jacarés… demais. Foi aqui que eles filmaram o Piratas do Caribe 2, e hoje existe uma réplica da casa da bruxa Calypso na beirinha do rio, bem legal.

IMG_4913_Fotor  IMG_4915_Fotor

IMG_4919_Fotor  IMG_4925_Fotor

DCIM121MEDIA

A única coisa chata da nossa passagem por Dominica foi que a Katarina teve que se despedir de nós, ela tem um super astral e o barco ficou vazio sem ela. Mas temos certeza que ela está mais do que feliz a caminho de um emprego num mega yacht em Palau, com certeza ela terá muito sucesso por lá. Ela é uma menina bonita, inteligente e trabalhadora, vai se sair bem em qualquer coisa que quiser. Nós três já estamos com saudades dela.

12648055_10153879626384004_1811172013_n_Fotor  Screen Shot 2016-02-02 at 9_Fotor 3

O bom é que o Duda e a Raquel continuam a bordo, eles vão seguir viagem com a gente até Antigua, o que inclui uns dias em Guadalupe no meio da jornada.

IMG_4962_Fotor  P1210103_Fotor

Claro que o Feijão continua causando e fazendo sucesso por onde passa. Dessa vez ele fez amizade com três coisinhas na praia de Portsmouth, e mais uma vez recebemos várias ofertas de gente querendo comprar ele ou saber se tínhamos filhotes. Bizarro o povo perguntar se queremos vender nosso cachorro… mas enfim, a gente simplesmente dá risada e segue em frente.

IMG_0068_Fotor

P1210078_Fotor    

Screen Shot 2016-02-02 at 9_Fotor

IMG_0155_Fotor 2

A comida no Ipanema continua sendo um dos pontos altos por aqui. Essa semana fizemos um churrasquinho delicioso para curtir o pôr do sol e nos despedir de Dominica. Só espero que a nossa querida amiga Laurinha (vegana) não leia esse post! (Lau, pode deixar que a Sarinha tem feito várias das suas receitas maravilhosas para compensar).

Agora é hora de seguir viagem. Saímos daqui com um gostinho de quero mais, com certeza há mais coisas legais para se fazer nesse paraíso. Mas se não seguirmos viagem não conseguiremos sair da zona de furacões a tempo, então agora é hora de conhecer Guadalupe! Vive la France!

P1210127_Fotor

Sobre o autor

Renato Matiolli

Deixe um comentário