Guadalupe Mergulho

Guadalupe: Ingreis Proceis

Escrito por Renato Matiolli

Imagina que você fosse Deus e pudesse criar um lugar incrível. Aposto que muita gente iria criar algo com um toque Francês/Europeu, incluindo alguns bistrôs e bom vinho, um lugar seguro e bem organizado, mas com aquele clima Caribenho, a beira do mar, água cristalina, ótimo para mergulhar, cheio de coqueiros e para arrematar, com gente alegre e acolhedora… bom parece que Deus também pensou nisso, e juntou tudo numa ilha chamada Guadalupe.

Bom, Guadalupe é outro país FOD (French Overseas Department); seja lá o que isso signifique… para nós, o importante é que quer dizer que conseguimos encontrar algumas coisas deliciosas como baguetes, croissants, pain au chocolate, bons vinhos e sorveterias maravilhosas, que a gente ama. Mas também significa que as pessoas não tomam banho regularmente, que você não consegue almoçar em nenhum lugar às 3-4pm (porque não é nem hora do almoço nem do jantar), e que as pessoas falam Francês e só Francês, então a comunicação para nós não é lá muito fácil, mas de qualquer forma é sempre divertido.

P1210149_Fotor

Por mais que tentar se comunicar em Francês acaba sendo divertido, eu não falo a língua. Como que é possível que num lugar tão turístico, onde os locais lidam com gente do mundo todo, eles não falam uma palavra de inglês? Nem o inglês básico. Gente, sério, tá não hora de encarar a realidade, os inglês venceram essa batalha linguística a muito tempo atrás… hora de seguir em frente, sem mágoa no coração.

Bom, foi mal o desabafo… voltando para Guadalupe… as formalidades aqui foram tão fáceis quanto em Martinica. Nada de burocracia. Sendo assim, pudemos aproveitar todo o nosso tempo curtindo a ilha e decidimos passar a maior parte numas ilhasinhas chamadas Iles des Saints, localizadas ao sul da ilha principal.

O Duda e a Raquel ainda estavam com a gente e não podíamos ter tido melhor companhia nessa viagem. Alugamos duas scooters e exploramos a ilha toda.

IMG_0087_Fotor  P1210297_Fotor

P1210186_Fotor  P1210184_Fotor

IMG_0191_Fotor

Nossos três lugares favoritos foram: o Forte de Napoleão,

P1210344_Fotor  P1210314_Fotor

Baía Marigot,

P1210327_Fotor  P1210323_Fotor

P1210329_Fotor  P1210295_Fotor

e a Baía de Pompierre que lembrou muito a praia do Sueste em Noronha.

P1210168_Fotor  P1210167_Fotor

P1210192_Fotor

P1210150_Fotor  P1210189_Fotor

A praia de Pompierre tem uma fauna marinha maravilhosa para ser explorada.

  IMG_0103_Fotor

E depois de muito snorkeling a Sarah e a Raquel ficaram tomando sol e fazendo palhaçada com os cabelos na água… acho que é o tipo de coisa que as pessoas fazem quando se tem muito tempo livre nas mãos.

P1210240_Fotor  P1210256_Fotor

P1210208_Fotor  P1210270_Fotor

E agora chegou a hora de velejar até Antigua, a viagem não poderia ter sido melhor sendo acompanhados por vários golfinhos! Dessa vez velejamos com pouquíssimo vento e deu até para usar a Gennaker! Aproveitei para dar um rolê com o drone em pleno alto mar… medo! Mas deu tudo certo e conseguimos umas imagens iradas do barco. Valeu a pena!

P1210409_Fotor  Screen Shot 2016-02-05 at 10_Fotor 3

IMG_0286_Fotor  P1210384_Fotor

Infelizmente chegou a hora de nos despedirmos do nosso querido casal, Duda e Raquel. Já estamos morrendo de saudades, é muito bom ter eles no barco, mas temos certeza que voltaram muito em breve. Esses dois sabem como aproveitar a vida, temos muito que aprender com eles.

P1210369_Fotor

E quanto ao Caribe, quanto mais viajamos por aqui, mais percebemos que um ano é muito pouco para conseguir ver tudo. Tem tanto para se ver e se fazer. Mais uma vez saímos de uma ilha com o gostinho de quero mais, com certeza não vimos o suficiente desse país lindo que é Guadalupe. Acabamos de chegar por aqui, mas estamos seriamente considerando passar mais uma temporada nessa região. 

 

Sobre o autor

Renato Matiolli

Deixe um comentário