Alinhando Expectativas

Essa aventura realmente não é para todos. Alguns vão AMAR e outros podem NÃO gostar. Garanta que você é daqueles que vai amar antes de embarcar nessa. 

Por favor tome o tempo de ler a página: “Veleje com a Gente – Como Funciona” para você saber mais como funciona, o que esperar dessa aventura, e se está de acordo com as suas expectativas.

 Tipo de pessoa que vai AMAR essa aventura: 

  • Aventureiros que estão querendo fugir dos spots turísticos clássicos e procuram uma experiencia única e mais exclusiva;
  • Pessoas que gostam de natureza, vida marinha e praias;
  • Pessoas que não tem pressa, e que gostam de explorar e conhecer cada lugar com calma;
  • Amantes de animais e cachorro vão gostar da companhia do Feijão. Ele é muito amoroso e adora receber atenção e carinho de todo mundo;
  • Viajantes experientes que não tem medo de ir explorar lugares novos.

Tipo de pessoas que podem NÃO gostar dessa aventura: 

  • Pessoas muito urbanas que viajam com o principal objetivo de aproveitar a vida noturna e bons restaurantes;
  • Aqueles que não conseguem ceder em algumas coisas para viver num barco, tipo, querem todos os confortos da vida moderna a bordo – desculpa, nós também adoraríamos isso, mas isso é só para aqueles barcos bilionários;
  • Gente que quer fazer e conhecer muitas coisas num curto espaço de tempo (a vida a bordo é BEM mais lenta que na cidade grande)
  • Pessoas com uma dieta muito exigente ou com muitas restrições. A Sarah faz umas comidinhas deliciosas, mas coisas simples e bem caseiras. A gente compra e cozinha os produtos que achamos mais frescos em cada parada, e nem sempre há muita variedade nas vilas/ilhas pequenas em que paramos.

 Água e Eletricidade: Essa é sempre a nossa maior preocupação, principalmente com hospedes que nunca estiveram num barco antes. O Ipanema é um barco (e não uma casa) por isso água doce e energia são bens limitados, é sempre importante que todos os tripulantes saibam disso e sejam concientes em relação ao consumo, e ajudem a poupar. Se você não consegue tomar banho com poucos litros de água, talvez a vida a bordo não seja o mais indicado para você. Se você gosta de beber uma dúzia de cervejas por dia e que elas estejam trincando, pode ser que nossa pequena geladeira de 12v que funciona na bateria do barco, seja um desapontamento.

Ritmo da viagem: Estamos fazendo essa viagem para realmente curtir cada lugar, não só tirar uma foto, postar, e seguir para o próximo destino. Se você é mais do tipo que quer ver o máximo possível num curto espaço de tempo, talvez essa experiencia não seja perfeita para você.

Cumprindo com nosso itinerário: Até hoje conseguimos cumprir com todas as datas, mas somos altamente dependentes das condições climáticas, e no estado de manutenção do barco. Não iremos, sob hipótese alguma, colocar ninguém nem o barco em situações de estresse ou perigo para cumprir com algum deadline, por isso, chegarmos mais tarde do que previsto num destino, pode acontecer.

Planejando a sua viagem: Estamos praticamente sempre viajando, não sabemos qual é o melhor vôo/aeroporto para você sair de onde está e chegar onde estaremos, mas o Google pode nos ajudar. Você precisar pesquisar e reservar seus vôos para o aeroporto mais perto de onde for combinado que vamos te buscar e te deixar. Mas, claro que podemos sempre conversar sobre possíveis alternativas.

Local preciso de embarque e desembarque: Não conseguimos saber exatamente em qual lugar iremos estar ancorados/atracados no futuro. Isso dependerá das condições do tempo, e quão agradável, seguro e confortável cada lugar é quando chegarmos lá, assim como as regras locais. Só poderemos confirmar exatamente onde estaremos com aproximadamente 24h da sua chegada. É importante entender que no início e/ou fim da sua viagem talvez seja necessário pegar um taxi e/ou ferry.

Abastecendo o barco: Como estamos sempre mudando de um lugar para o outro, conseguir as coisas básicas é difícil para nós. Quando chegamos num lugar novo, nunca sabemos onde temos que ir para comprar coisas tipo: botijão de gás de cozinha, gasolina, supermercado, internet, lavanderia, etc. Sempre tentamos ter tudo já resolvido e comprado para quando nossos hóspedes chegam, mas as vezes isso é preciso ser feito durante a estadia/viagem.

Arrumando o barco: Ainda não tivemos caso de hospedes terem que esperar por algum reparo/manutenção do barco. A manutenção do barco e mante-lo em ótimas condições é uma das nossas prioridades, mas pode acontecer que mesmo antes da sua chegada, alguma coisa avarie ou quebre. É importante estar ciente disso, tentaremos sempre facilitar que nossos hospedes consigam pelo menos sair para explorar o local onde estaremos enquanto a gente consiga ajuda para resolver o concerto do barco.

Tempo: Acredite se quiser, mas nós NÃO controlamos o tempo. Pode acontecer que fique nublado, que chova, que fique frio, que o vento esteja muito forte, ou que não haja vento nenhum e que não consigamos velejar na data prevista. Isso é uma aventura, e quem dita o que fazemos em termos de algumas atividades, como: velejar, surfar, kite, mergulho, snorkeling, ou simplesmente relaxar, ou ficar protegidos… é o tempo. Então esteja preparado e seja flexível.

Velejo vs. Motor: Sempre tentaremos velejar o máximo que conseguirmos, mesmo que isso demore mais para chegar ao nosso destino do que se usarmos o motor. A proposta dessa viagem e nosso objetivo é velejar ao redor do mundo, e não usar o motor ao redor do mundo.